quinta-feira, 17 de Abril de 2014

A MORTE NÃO É NADA

"A morte não é nada.
Apenas passei ao outro mundo.
Eu sou eu. Tu és tu.
O que fomos um para o outro ainda o somos.
Dá-me o nome que sempre me deste.
Fala-me como sempre me falaste.
Não mudes o tom a um triste ou solene.
Continua rindo com aquilo que nos fazia rir juntos.
Reza, sorri, pensa em mim, reza comigo.
Que o meu nome se pronuncie em casa
como sempre se pronunciou.
Sem nenhuma ênfase, sem rosto de sombra.
A vida continua significando o que significou:
continua sendo o que era.
O cordão de união não se quebrou.
Por que estaria eu fora dos teus pensamentos,
apenas porque estou fora da tua vista?
Não estou longe,
Somente estou do outro lado do caminho.
Já verás, tudo está bem.
Redescobrirás o meu coração,
e nele redescobrirás a ternura mais pura.
Seca as tuas lágrimas e, se me amas,
Não chores mais.”

Stº Agostinho
Ana…
N 19/07/1997
F 16/04/2014

Ontem fui a um velório… (mais logo vou ao funeral). Esta menina não me era da minha família directa, era sobrinha de uma prima minha (por afinidade) mas sofremos pelos que sofrem e esta criança sofreu horrores. Foram 21 meses de sofrimento atroz! Sempre que estava com a minha prima, era impossível não chorar pelos relatos da sua experiência… A família adapta-se a todas as situações mesmo quando nós, que estamos de fora, achamos quase impossível conseguir lidar, superar, ultrapassar esta dor.

Muito resumidamente a Ana descobriu que tinha um carcinoma em Julho de 2012 e desde então, sofreu, sofreu, sofreu… Tinha uma irmã, gémea, que está livre da doença porque eram gémeas falsas. Foram 21 meses de dores; tratamentos; cirurgias; viagens ao estrangeiro na tentativa de encontrar uma cura, mas o fim era previsível há já algum tempo… Quando estava em casa a Ana dormia numa cama articulada na sala, com a sua irmã gémea ao lado que sempre, sempre a apoiou em tudo… Quando digo tudo, é mesmo tudo! Mas, naquela casa não se podia chorar nem estar triste! A pessoa que mais ânimo dava à família era a Ana (que no fundo, sabia que ia partir…). Ontem no velório a mãe dizia ‘Agora vamos ser três… agora vamos ser sempre só três… Desculpa filha por não te ter conseguido salvar!

Sou mãe e não consigo nem quero imaginar tal dor. Hoje vai ser complicado, muito complicado... Aquela família estava toda preparada para a morte, o coração deles é que não!


Se ontem tremi da cabeça aos pés quando lá cheguei, não quero imaginar o hoje…

sexta-feira, 11 de Abril de 2014

MUITO BOMMMM!!!

Matei saudades do Zumba! Digam o que disserem, o professor faz toda a diferença! Saltei; pinchei; saltei; sorri; saltei; dancei! Tive a sensação de passar a aula toda com um sorriso no rosto! Não me importei de não saber algumas coreografias porque melhor ou pior, consegui acompanhar! A princesa mais nova também saltou, transpirou, dançou e no fim já não se aguentava em pé!

Vou postar aqui um vídeo do meu professor que encontrei no youtube. Depois do segundo 14 já se vê bem. Ficamos assim transpiradas, não tanto quanto ele (que pinga da cabeça aos pés). O Prof. Filipe é o que aparece com calção e t-shirt cinzenta e boné. Vejam como ele pincha… ihihihihih Vou tentar repetir outra aula dentro de 15 dias porque todas as semanas, para já, parece-me impossível. Mais, quando lá cheguei diz-me assim a Patrícia (dona):
P - Está mais magrinha!
E - Estou? J))))))))))))))))))))
Como diz o Principesco… Toda a gente vê, menos tu!

Concordo com ele mas não posso deixar de me sentir ainda com peso a mais. No entanto, não tenho ido à balança e esta semana estou com o período por isso vou evitar. Tenho medo que o peso na consciência se reflicta nos números, por outro lado, tenho-me esforçado por fazer exercício físico e manter-me em forma. A ver vamos. Acho que o próximo mês será decisivo.

Na quarta-feira no fim da aula de cycle o Prof. A. perguntou-me ‘Como estamos com a comida?’. Até engoli em seco porque não estava à espera daquela pergunta assim tão directa. ‘Estamos mais ou menos, mais ou menos!’ Parecia que me estava a perguntar se estava melhor da gripe ou coisa parecida. A comida É UM PROBLEMA e nós sabemos mas de vez em quando sentimos as coisas de maneira diferente e na quarta senti, ao ponto quase de ter vergonha deste ‘problema’…

Enfim, é a vida! E agora temos o fim-de-semana à porta e já combinei com o Principesco o que fazer: NAMORAR; NAMORAR; NAMORAR! Já não temos um fds a sós desde Fevereiro por isso este é mais que merecido! À noite temos pensado ir ao cinema, mas ainda não sei que filme vamos ver. Sugestões? Ao fim da tarde vou à manicura fazer a manutenção das minhas unhas de acrílico, conhecem? Amanhã não sei, espero que seja só mesmo namorar, namorar, ler, aproveitar o sol algures numa esplanada e pronto, chega! LOLOL

E vocês, planos para o fds?


Beijos e abreijos de uma aspirante a Teresa ‘Roquete’

quinta-feira, 10 de Abril de 2014

ZUMBA

Uma das coisas que me deixou saudades de Gondomar (e ÚNICA) foi ter deixado o ginásio de lá! Gostava da dona, também professora; gostava das aulas e sobretudo adorava o zumba! Neste ginásio que frequento agora não gosto de todo do professor por isso não faz parte dos meus planos fazer as aulas dele aqui no porto. Sempre que ouço uma música que costumava dançar fico nostálgica e lamento-me sempre por agora não ter essa actividade na minha vida. O Principesco é super atencioso e está-me sempre a incentivar a fazer aquilo que gosto, por isso está sempre a ver se eu arranjo maneira de conseguir ir a Gondomar fazer uma aula de vez em quando. Organizei-me e hoje vou. Levo a princesa mais nova comigo que é doida por dança! Vamos ver se as consigo acompanhar ao fim destes meses!

E com isto não posso deixar de SORRIR!

ADRENALINA AO RUBRO

Bem, ontem tinha X objectivos para cumprir ao final do dia, que começavam precisamente por sair cedo do trabalho (quando digo cedo, digo 1 a 2 minutos antes da hora LOL). Saí, apanhei o metro e ala para casa que se faz tarde! Encontrei a minha amiga no supermercado (faltava-me o açúcar para a compota) e combinamos encontrar-nos passado pouco tempo. Fui a casa, pousei as compras e equipei-me.

Correr na rua obriga-me a organizar e a pensar que tenho de:
. Levar música (MP4 carregado, ok);
. Não ir muito agasalhada;
. Levar chaves de casa (preferencialmente pensar numa forma de não andarem aos trambolhões no meu pescoço ou no meu bolso, a fazerem um barulho infernal);
. Levar o telemóvel (para ver as horas e porque com a filha fora é fundamental);
. Levar uma garrafa de água (antigamente não costumava levar porque me ENERVA andar com a água atrás, mas desde que frequento o ginásio que me habituei a beber muita água durante a práctica do exercício físico e agora sinto falta se não tiver);

Estava a tentar sair de casa com todos os apetrechos e o telefone; apita uma mensagem; apita outra mensagem; chave numa mão; MP4 na outra; telefone; phones enrodilhados… Ommmmmmmmmmmm Não é fácil! Ihihihihih Consegui dar resposta a tudo e todos e lá me encontrei com a minha amiga.

Plano de acção:
. Caminhar 5 minutos lentamente;
. Caminhar 5 minutos moderadamente;
. Correr 20 minutos moderadamente;
Acho que o plano dizia correr mais 5 minutos lentamente mas nós reduzimos a velocidade aos 15. Plano cumprido mesmo com a chuva que se abateu em nós. Fizemos um total de 4,250Km.
. Chegar a casa e passar água tépida nas pernas!

Terminamos o plano e estávamos vermelhas até às orelhas. É bom para eu aprender a não parar de correr na rua durante tanto tempo! A minha amiga mora mesmo ao lado do meu ginásio e quando eu ia a passar, estava o meu professor sentado numa mesa e acenou-me! Hum… sabia que ele ia dar uma aula de cycle e eu não tinha ninguém à espera em casa! Entrei e disse ás meninas:
Eu: Eu queria fazer esta aula agora das 19h30 mas não trouxe o meu ‘chip’ para dar entrada nem sequer tenho uma toalha para levar para a aula…
As meninas: Não faz mal, registamos aqui e arranjamos-lhe uma!
Ihihihhiihhih Desci as escadas, fui ao balneário lavar o rosto e esperei 5 minutos pela aula!

O Principesco diz e tem razão, eu sou tudo ou nada! Tenho de concordar com ele mas o que fazer? This is me!

Cumpridos os primeiros objectivos tinha ainda mais umas quantas coisas em mente e não é que as fiz todas? Sentia-me com a adrenalina ao rubro que deu para:
. Chegar a casa e tomar banho;
. Jantar;
. Fazer compota de abóbora (com frascos esterilizados antes de encher e depois de cheios);
. Fazer sopa para hoje;
. Por uma máquina a lavar;
. Estender a roupa!

Era meia-noite quando parei! No meio disto tudo até me esqueci da filha até às 00h29 em que recebo um sms a dizer: “Vou dormir. Bjs. GMDT”. Hã? Desculpa? Sabes que horas são??????????? LOLOL Resolvi não ser mãe galinha e desejei-lhe boas noites sem a chatear ihihihihhih HÁ DIAS LONGOSSSSSSSSSS <3


Beijos e abreijos desta aspirante a Teresa ‘Roquete’

quarta-feira, 9 de Abril de 2014

Planos para hoje

. Sair cedo (está quase)!
. Chegar a casa, equipar-me e ir correr (hoje talvez com companhia)!
. Tomar banho e jantar;
. Fazer compota de abóbora - a Princesa mais nova não come mais nenhuma sem ser caseira e eu sinto falta do doce nos dias de treino… Sou como ela, de todas as compotas a minha de eleição é a de abóbora com nozes… como eu a percebo!
. Sentar-me a ler o livro que ela me deu!

Será que me vou conseguir deitar cedo? Hummm… A ver vamos!


Ando a ganhar coragem para entrar nos eixos. E vocês?

ALL I WANT TO DO IS DREAM

Caminhava eu na minha hora do almoço quando fui abordada por uma jovem que transbordava simpatia! A conversa foi mais ou menos assim:

Caminhava eu na minha hora do almoço quando fui abordada por uma jovem que transbordava simpatia! A conversa foi mais ou menos assim:

Ela - Desculpe, posso fazer uma pergunta?
Eu - Sim, claro!
Ela - Estava a passar de carro e vi a sua t-shirt! É perfeita para uma reportagem que estou a fazer neste momento. Será que me concedia 5 minutos e me deixava fotografá-la? Não precisa de ser identificar na foto mas essa imagem é perfeita para o que estou a fazer. Sou repórter fotográfica!
Eu - Ora bem, eu não gosto nada de ser fotografada mas se for só a t-shirt…
Ela - Importa-se de me acompanhar só para eu estacionar o carro?
Pensei numa fracção de segundo se devia entrar no carro de uma estranha mas não lhe resisti ao charme e fui!
Eu - Sim, claro!
Estacionamos metros à frente e fomos até uma praceta ali ao lado. Mandou-me sentar e olhar para baixo… Resolvi pegar no meu bloco e simular que fazia um desenho, um acto natural em mim. Depois mudamos de posição e ela fez mais duas ou 3 fotos!
Ela - Essa frase "ALL I WANT TO DO IS DREAM" simboliza o que estou a escrever neste momento… Nós somos um povo muito saudosista, nostálgico, mas apesar de tudo, continuamos sempre a sonhar e a acreditar no amanhã!

Achei-lhe piada pelo acto de coragem de largar o carro no meio da rua e vir ter comigo; pela ousadia e ao mesmo tempo, pela doçura e simpatia que mostrou desde o 1.º segundo! Enquanto simulava o desenho, escrevi a frase da t-shirt num (desenho) que já tinha feito, acrescentei a data e ofereci-lhe! Ficou a promessa de me enviar as provas independentemente destas fotos serem seleccionadas ou não para a reportagem!

* Não sou nada de usar roupa com frases e padrões, sou mais pelos lisos, pelo preto e pelo branco, mas esta foi-me oferecida por uma amiga no meu aniversário e até achei que tinha alguma coisa a ver comigo! Como dou valor às prendas que me dão, nem sequer pensei em trocar por outra coisa e hoje resolvi vesti-la! Ia lá eu imaginar que teria uma aventura à custa da t-shirt! LOL


E pronto, foi uma hora do almoço divertida e diferente do habitual!

Teresa B. aspirante a 'Roquete'

Ninguém está bem com aquilo que tem #1

Site aqui
TODOS OS DIAS de manhã eu penso: vou-me portar bem; sem fazer grandes asneiras mas com a consciência de que vou entrar no ritmo devagarinho. Eis que o telefone toca, é a chefe! Estava ‘carente’, necessitada de um café e de um doce! Fui ter com ela para beber café, não para acompanhar no doce, mas depois… Depois ela provoca-me e faz aquele charme que se torna impossível resistir! No fim do café, e de ela pecar* e me ter convencido a pecar, termina dizendo o seguinte:
- ‘T. Da próxima vez que te desencaminhar para comermos isto vais-me dizer: Não vamos comer porque tu estás GORDA!’ lolololololololololol

É só rir! Posso-vos dizer que ela mede 1,62m e pesa 53kg! Só a desculpo por ela ser a minha melhor amiga e nos conhecermos há mais de 20 anos!


*Apenas dividimos uma fatia do melhor bolo de chocolate do Mundo!!!! J


terça-feira, 8 de Abril de 2014

CONFUCIUS

Há 15 dias que não tinha oportunidade de ir ao ginásio por causa da fisioterapia da minha mãe. Entretanto meteu-se o meu aniversário mais as respectivas celebrações e tornou-se missão impossível. Apesar de tudo, não fiz 100% gazeta aos treinos, houve um dia que fui correr com o Principesco e na quarta-feira da semana passada fui correr à noite, sózinha. Isto de correr no tapete cria uma desabituação de correr na rua que nem vos conto… Senti-me à beira de um colapso, como se não tivesse qualquer tipo de preparação física… Cheguei à conclusão que, apesar de ter regressado ao ginásio, queria voltar a correr na rua mas falta-me a parceira ou parceiro. Por mim, ia correr às 6h00 da manhã, por sua vez o Principesco gosta de correr às 23h00… É como da água para o vinho por isso ainda não chegamos a um consenso, lolol.

Ontem entrei no ginásio de fininho, com ‘medo’ de dar de caras com o professor A ou B! Custou-me ir, tive de me obrigar, por isso ia amuada e de cara emburrada, logo, não estava muito para conversas. Não me apetecia treinar porque sabia que me ia custar os olhos da cara, por isso resolvi fazer aulas, assim não tinha de pensar, era só executar! Fui à aula das 19h30 de abdominais, 30’ e depois fiz a aula de cycle das 20h00 às 20h45. Escusado será dizer que sai de lá morta! À noite estava tão cansada, com tanto sono que nem tinha posição para dormir… Claro que depois de sair do ginásio vimos com a cabeça mais leve e orgulhosos de nós e essa sensação não dispenso.

Mas não me portei exemplarmente no que diz respeito ao resto e já vão saber porquê… Onde é que eu costumo pecar? NA COMIDA!!!! Porquê? PORQUE FICO CHEIA DE FOME E PIMBA! Lolol Saí do ginásio passava das 21h00, o Principesco regressava de Lisboa e tínhamos de ir buscar a Princesa mais nova (a minha está de férias, num projecto de empreendedorismo, depois conto). Ele não tinha jantado, nem eu… sendo que é a primeira vez que ficamos só os três (eu + ele + a princesa dele/mais nova) resolvemos ir comer qualquer coisa fora. Acabamos no Conga, a comer umas bifanas! Assim vou longe, não?! Lololololol

Enerva-me esta minha postura e sei, que estou à espera que chegue o mês de Maio para me portar bem (quando começar a fazer as cavitações…). Depois até posso emagrecer E NÃO VAI SER PELO TRATAMENTO, vai ser pela boca! Ihihihhihihi

MAS QUANDO É QUE EU VOU GANHAR JUÍZO? LOLOLOL


Beijos e abreijos desta aspirante (espero que seja ainda este… século!) a Teresa ‘Roquete’

segunda-feira, 7 de Abril de 2014

sexta-feira, 4 de Abril de 2014

Rescaldo do aniversário LOL

Já passou (o dia do meu aniversário) e posso dizer que foi um dia muito feliz, bonito e com muitos mimos! Recebi flores; um livro, um cd e um RELÓGIO LINDO DA PULSAR (depois publico foto), oferta do Principesco! Ah, também recebi um tablet com uma capa e foi das prendas mais doces que tive! Doce, sim, DOCE! O Principesco resolveu fazer-me uma partida e deu-me 1 iChoc: uma capa em Neoprene para o tablet em… CHOCOLATE! Palhaço!

Entretanto hoje é dia de copos. Vou com as minhas irmãs e umas colegas de trabalho ao fim do dia beber um copo! Já é da praxe sairmos (quase só mulheres) para festejar os meus anos!

Coisas boas de ontem:
. Almocei fora com umas colegas de trabalho;
. Tive a tarde de folga;
. Jantei fora com as Princesas; o Principesco; os meus sogros; o meu cunhado e uma tia (mencionar / escrever estes graus de parentesco ainda me é estranho depois de ter estado 4 anos sozinha, LOL);
. Abrimos o bolo em casa e cantamos os parabéns;
. A parte das prendas também foi gira e admito que o Principesco se esmerou;
. Recebi muitos telefonemas e mensagens a felicitar-me o que me deixou muito feliz!

Bolos: fiz um bolo de laranja que a minha irmã costuma fazer mas eu nunca tinha feito. Tive receio que não estivesse 100% porque foi difícil perceber o ponto de cozedura mas o resultado final foi muito bom! Servi as primeiras fatias a medo e no fim todos repetiram! Ufa… Fico sempre tão insegura quando faço alguma coisa pela primeira vez, que por via das dúvidas, resolvi fazer a minha mousse de forno (não fosse dar-se o caso do bolo de laranja não estar bom)! Quase não sobrava nada para contar a história! Muito bom, muito bom! Depois publico fotos e receita! Ainda fiz um salame de chocolate mas não houve barriga para tanto, pelo que nem sequer o abrimos!

Beijos e abreijos com votos de um excelente fim-de-semana! Para a próxima semana vou recomeçar a ter cuidado com o que como porque estes dias foram para esquecer!

Entretanto deixo-vos com esta receita nova da Dr.ª Ágata:

Receita:
Comprar vários tipos de sementes a gosto - 1/2 chávena (sésamo, papoila, linhaça, abóbora, girassol,) +1 colher de sopa de azeite+ 1 copo de água. Na véspera colocar a chia e a linhaça num copo de água para que forme uma pasta.
Misture todos os ingredientes, e ponha no forno a 140 graus o tempo necessário para ficarem crocantes.
Tempere numa versão salgada (pimenta, cebola, alho, etc.) ou versão doce: erva- doce, canela, gengibre, raspa de laranja ou limão, etc.

Podem comer (desde a fase 1) todos os dias a porção equivalente a 3 colheres de sopa.



Teresa B. aspirante a ‘Roquete’

quinta-feira, 3 de Abril de 2014

PARABÉNS a mim :)

Ontem lá fui à Newone Clinic para a minha consulta de avaliação. Entrei no gabinete e fui atendida por uma técnica. Na recepção tinha preenchido uma ficha e entregue o voucher mas não especificamos os tratamentos que queremos… A técnica perguntou-me qual a área que eu queria tratar e disse-me prontamente: abdómen! Não só disse, como escreveu! Ommmmmmmmm… Não, por acaso não é, disse-lheEu levava uma camisola de gola alta justa e como estava sentada, via-se uma prega (não muito proeminente, mas via-se, alias, VÊ-SE!) por isso percebo a sua dedução imediata da coisa. Disse-lhe que o que eu gostava mesmo era de ser tratada do pescoço para baixo mas como isso não é possível, a intervenção vai ser mesmo na zona da anca (a minha maior zona problemática desde que me conheço). Tirou as medidas e no fim consegui espreitar para o papel (1ª medida 98cm e a 2ª 104cm). Não me pesou e eu também não fiz questão porque estes tratamentos incidem na perda de volume e não na perda de peso apesar de estarem relacionados, obviamente. A prescrição começou por 5 semanas de cavitações (1 sessão por semana) e depois drenagem (2 tratamentos por semana), embora a vontade de começar fosse já amanhã, só tenho vaga a partir do mês de Maio! A ver vamos!

Ontem fui correr ao ar livre e confesso que estou super, híper, mega desacostumada! Habituamo-nos ao ginásio e não tem nada a ver em termos de resistência… Estou fraquinha, fraquinha… Por falar em ginásio estas duas semanas não tenho conseguido ir por causa da fisioterapia da minha mãe. Hoje também não vou porque é o dia do meu aniversário; amanhã celebro novamente por isso recomeço segunda-feira.
 
Quanto a dietas e regimes alimentares não tenho dado grande importância ao assunto mas o meu subconsciente não me deixa ir à balança… No fundo, no fundo, tenho feito algumas asneiras e com medo do resultado, fujo!

Agora vou ali receber mais mimos porque o dia hoje é de sorrisos e abraços e mimos e carinhos! Fico feliz por fazer anos por isso vou aproveitar enquanto não me queixo da idade! Ihihihihihihihi


Beijos para vocês e SEJAM FELIZES

quarta-feira, 2 de Abril de 2014

VOU-ME DAR UM INCENTIVO

Letsbonus 50 tratamentos para emagrecer e/ou rejuvenescer

Como já disse uma panóplia de vezes, devo ser muito chata e difícil de aturar nesta coisa do peso. Quando decido que não estou em dieta sou bem mais alegre e feliz comigo e com os outros. Março foi um mês difícil e a cabeça não aguenta tudo. Deixei a dieta de lado e dediquei-me à minha mãe, que estava doente. Confesso que de vez em quando avariei um bocadinho e até comi como pessoas normais sempre com peso na consciência mas isso é inato em mim!

O Principesco passa a vida a chatear-me para eu arranjar as unhas; ir ao ginásio; ir arejar e fazer coisas por mim. Nem sempre lhe dou ouvidos mas no outro dia dei! Apareceu na Lets Bonus uma daquelas promoções de tratamentos para reduzir volume e a proposta era tão apetecível que compramos (1,500€ com o desconto ficou em 30€). Entretanto já tive a consulta de avaliação marcada mas tive de desmarcar por causa da minha mãe. Este mês finalmente vou estar mais disponível e hoje vou conseguir ir!

Amanhã conto-vos tudo e tudo e tudo! Amanhã por aqui ainda não é dia de dieta porque nesta casa celebram-se 38 anos de existência da minha pessoa! Sexta vai ser outro dia de festa… Depois da consulta vou perceber se faço algum plano novo ou não… Logo vejo!

Beijos e abreijos e até amanhã!


Teresa B. aspirante a ‘Roquete’

sexta-feira, 28 de Março de 2014

MARÇO

Boas,

Continuo ausente mas Março definitivamente não é o mês! É tudo muito… Muita atenção à mãe; muita atenção às miúdas que tiveram uma sobrecarga de testes e trabalhos; muita falta de tempo, etc. no entanto, a minha maluquice por chocolates parece que acalmou… Espero que agora não venha a maluquice por salgados LOLOLOLOL!


Mantenho as papas de aveia ao pequeno-almoço (com 1 colher de iogurte grego/magro/Lidl e fruta fresca morangos/maçã/ou o que tiver) que de certa forma me inibem o apetite da manhã. À noite também me tenho dado ao luxo de comer uma batata cozida quando faço peixe grelhado com legumes ou até mesmo, um prato de massa com carne de vez em quando. O que é certo, é que ainda hoje me disseram ESTÁS MAIS MAGRINHA e eu fico sempre aparvalhada. A minha teoria de que quando eu quero emagrecer engordo até com o pensamento deve ser mesmo verdade. Estes dias/semanas em que me zanguei com o mundo e não tenho feito propriamente dieta, o meu corpo parece estar a descansar do stress que lhe costumo incutir, sinto-o como um balão a esvaziar… Rezo para que não me pregue outra partida tão cedo!

Por agora só quero mesmo MESMO que chegue o mês de Abril. Para a semana é o meu aniversário e tenho de começar a pensar na festa!

Beijos para todos(a) e bom fim-de-semana!

Teresa B. aspirante a 'Roquete'

segunda-feira, 24 de Março de 2014

Há dias que sentimos uma capacidade maior para superar os nossos medos...


Sábado de manhã preparei-me para o banho e olhei para a balança… Estive naquela indecisão do ‘vai/não vai’ até que arranjei coragem e me pesei. 60,2Kg foram os números que me apareceram no visor… Senti alívio e pensei que apesar de tudo, Deus existe e continua a olhar por mim lá do alto. Não fiz nada para perder peso (muito pelo contrário) à exceção de que ando a comer papas de aveia ao pequeno-almoço há duas semanas. A Princesa mais nova não gosta de pão e o pequeno-almoço é sempre do seu desagrado. Um dia o Principesco perguntou-lhe se ela não queria experimentar as minhas papas e ela concordou. Depois da Princesa mais nova seguiu-se a minha (que também quis)! Agora de manhã o pequeno-almoço é igual para as três: papas de aveia com 1 colher de iogurte (grego/Lidl/light), fruta (morangos, maçã ou o que houver em casa) e canela.

Vá-se lá perceber abalança… o meu corpo… a minha mente…


Teresa B. aspirante a 'Roquette'

sexta-feira, 21 de Março de 2014

PERDIDA DENTRO DE MIM

Antes de mais, queria agradecer às minhas queridas leitoras que mostraram preocupação pela minha ausência. Março é mês de ter a minha mãe a morar comigo e o ciclo repete-se a cada três meses, Dezembro também foi mês e o próximo será em Junho. Este mês ela chegou doente e muito debilitada… Já tinha sido vista pelo médico (mais que uma vez), já estava medicada mas as dores na coluna não passavam e… não conseguimos ver alguém assim em sofrimento sem fazer nada! Bom, viramos tudo do avesso e conseguimos fazer um diagnóstico correto do estado de saúde dela e depois de muitos exames; transfusão de sangue e de se temer o pior, soubemos finalmente que ela não tem nada canceroso (apesar de tudo nos indicar nesse sentido!!!!). Resumidamente, Março foi um mês passado nos hospitais em exames e consultas e contou ainda com alguns dias passados em casa para preparação de exames, etc. Segunda-feira começa fisioterapia à coluna e depois ao braço; à perna and so on! Posto isto, a minha capacidade de escrita e tempo para dedicar ao computador foi muito, muito escasso! Mil perdões!

Quanto ao resto…

Estou na fase ‘já não me aguento’; tudo serve de desculpa para pecar; penso: ou vou ali comprar tabaco ou um chocolate; amanhã começo; perdido por 100, perdido por 1000;

Já tinha idade para ter juízo e para aceitar o meu corpo que aos olhos de muita gente, é bonito! Mas eu recuso-me a aceitar estes 10kgs que fui ganhando desde 2009… Recuso-me!

Em que é que a minha vida vai mudar, se eu perder peso?
Eu sei que apenas vai mudar o meu consciente e a minha imagem de mim, mas para mim é tudo. Não posso aceitar que o meu corpo não me obedeça e que a minha mente controle esta parte da minha vida tão importante! Sim, falta-me confiança e auto-estima! Sim, não gosto do que vejo no espelho; Sim, tenho muito mais valor que apenas o meu corpo mas ele devia acompanhar a minha mente e neste momento, é como se tivesse outra pessoa dentro de mim que me castiga de hora em hora com tentações e punições que quase ninguém imagina…

Sofro… é verdade! E sofro mais do que possam imaginar! Podem achar que é um capricho mas para mim e reencontrar-me e sentir-me bem comigo mesma e está tão difícil, mas tão difícil que nem vos consigo explicar! Ontem fui ao ginásio e primeiro estive a conversar com o Professor A. que me questionava sobre a regularidade dos treinos… Disse-lhe que tenho ido com assiduidade mas que faço o que me apetece em vez de seguir os planos dele! ‘Já me podia ter dito, poupava-me trabalho! Da próxima escrevo-lhe TREINO LIVRE.’ Tem razão, disse-lhe, mas se eu vier contrariada com o que tenho para fazer, é meio caminho andado para faltar, ao passo que se eu vier e fizer o que me apetece, não falto! É verdade, disse ele! Entretanto, estava eu quase no final do treino e aparece o Professor B. que me pergunta se está tudo bem e como estava em termos de nutrição! Ommmmmmmmmmmm… Sabem aquelas alturas em que sem mais nem menos temos aquela vontade súbita de chorar?! Ommmmmmmm… Sentimo-nos ridículas por dentro e por fora, a sério! Disfarcei e disse ‘para o próximo mês estarei focada’. O Professor percebeu e disse: ‘para terminar, vamos fazer 5 flexões, eu acompanho’! É um querido mesmo, gosto imenso dele! Resumindo, saí de lá com um peso na alma e uma sensação de ‘estar perdida dentro de mim’.


O ridículo disto é que nós geramos o problema; nós temos a capacidade de o fazer aumentar ou desaparecer e continuo a sofrer, dia após dia, como se não houvesse solução e a solução existe, DENTRO DE NÓS!